“Reconheçamos nossas falhas!”

“Meu maior Tesouro”
7 de novembro de 2019
“Você quer o que? Ser servido ou servir?”
9 de novembro de 2019

“Reconheçamos nossas falhas!”

“O que encobre as suas transgressões jamais prosperará; mas o que as confessa e deixa alcançará misericórdia” (Pv. 28.13)

Uma das coisas mais difíceis para nós é reconhecer que erramos. Quando somos confrontados, o mais natural é negar que tenhamos feito algo de errado. Se isso não for possível, então procuramos inventar justificativas e desculpas. Se nem isso for possível, então acusamos quem nos confronta de não ter autoridade ou moral para nos repreender. Em suma, procuramos encobrir nossas transgressões.

O texto de hoje diz que quem age assim não prospera. Isto quer dizer que ele não terá paz de espírito; mais cedo ou mais tarde a consciência o incomodará. Ele também não terá sucesso em tentar encobrir seu pecado, pois em algum momento este será revelado, visto que não há nada que fique em oculto pra sempre (Lucas 12.2). Se não for revelado nesta vida (e muitos são), será no juízo final. Em resumo, ele não terá misericórdia, diferente daquele que é mencionado na segunda parte do versículo.

Ao contrário do que encobre, aquele que não só confessa, mas abandona o pecado, este prosperará, ou seja, alcançará misericórdia. Quem assim age obtém de Deus o perdão, como também pode obter o perdão das pessoas contra quem pecou.

Você e eu precisamos lutar contra a inclinação de encobrir nossas faltas negando-as ou acusando outros. Reconheçamos nossas faltas, confessemos e, na força do Senhor, lutemos para abandonar o nosso pecado.

Que o Senhor Jesus conceda um ótimo dia a você e toda a sua família.

Rev. Welerson Alves Duarte