“Como posso ter certeza que nasci de novo?”

“O zelo implica em reforma”
4 de novembro de 2019
“Isso é com você”
6 de novembro de 2019

“Como posso ter certeza que nasci de novo?”

“Filhinhos, ninguém vos engane: quem pratica a justiça é justo, assim como ele é justo; 8. quem vive habitualmente no pecado é do Diabo, pois o Diabo peca desde o princípio. Para isto o Filho de Deus se manifestou: para destruir as obras do Diabo. 9. Aquele que é nascido de Deus não peca habitualmente, pois a semente de Deus permanece nele, e ele não pode continuar no pecado, porque é nascido de Deus. 10. Os filhos de Deus e os filhos do Diabo manifestam-se assim: quem não pratica a justiça não é de Deus, nem quem não ama seu irmão” (1 Jo 3. 7-10)

1ª Evidência: Quando pratico a justiça e não o pecado (vv. 7-8b). O que os versos nos dizem? 1- Que não nos deixemos enganar; 2- Quem pratica a justiça é justo pois que o gerou é justo v.7; 3- Quem pratica o pecado procede do Diabo v. 8 ; 4- Qual a razão desta afirmação? V. 8: “pois o Diabo peca desde o princípio”

2ª Evidência: Quando compreendo que na pratica da justiça terei certeza que as obras do Diabo na minha vida foram destruídas (v. 8c). O que o verso nos diz?
A manifestação do Filho de Deus teve uma razão e foi feita uma vez só; sua finalidade na vida de todo aquele que pratica a justiça é a destruição das obras do Maligno.

3ª Evidência: Quando tenho a convicção que há algo em mim que me impede que eu viva pecando (v. 9). O que o verso nos diz?
O que é nascido de Deus não vive na pratica do pecado. Qual a razão de não ter vida pecaminosa? A permanência da divina semente. A certeza disto é porque somos nascidos de Deus.

4ª Evidência: Quando tenho as evidências de que sou nascido de novo (v. 10). O que o verso nos diz? Há dois tipos de filiação. Nisto são manifestos os filhos de Deus e os do Diabo. Há evidências que distinguem as duas filiações: Todo aquele que não pratica a justiça não procede de Deus e nem aquele que não ama a seu irmão. A ideia do “amor no texto diz respeito a um amor ou afeição que se baseia em profundo apreço e elevada consideração”

Que o Senhor Jesus conceda um ótimo dia a você e toda a sua família.

Rev. Jaziel Cunha