“Deus está com o seu povo!”
2 de março de 2020
“Para não pecar contra ti”
4 de março de 2020

“Autoexame”

“Examinai-vos a vós mesmos se realmente estais na fé; provai-vos a vós mesmos. Ou não reconheceis que Jesus Cristo está em vós? Se não é que já estais reprovados” (2ª Coríntios 13.5)

O propósito de Paulo para os cristãos, não somente para os coríntios, mas para todos os cristãos de todas as épocas e lugares do mundo era que todos alcançassem um alto nível de maturidade espiritual. Com esse claro objetivo, ele os chamou a um autoexame a fim de descobrirem a sua real condição espiritual.

Contudo, para que o autoexame seja eficaz é extremamente importante ser sincero diante de Deus e consigo mesmo, haja vista a realidade do autoengano. Muitos se consideram crentes, simplesmente, porque vão às igrejas aos domingos e, maduros na fé, em razão dos muitos anos que possuem como membros de uma igreja local. Embora tudo isso faça parte da vida do cristão, pode também fazer parte da vida de um falso cristão, ou seja, do joio, do bode que um dia será separado.

Mas a questão é, por que é necessário um auto e verdadeiro exame? Como esse autoexame deve ser feito aos olhos de Deus?

1º) O autoexame se faz necessário e é urgente porque todos aqueles que não forem achados na fé, se não se reconhecerem novo homens em Cristo Jesus, enfrentarão o julgamento final e receberão a condenação eterna. Esses ouvirão do Senhor: “Então, lhes direi explicitamente: nunca vos conheci. Apartai-vos de mim…” (Mt 7.23). E “… a parte que lhes cabe será no lago que arde com fogo e enxofre, a saber, a segunda morte” (Ap. 21.8). Para Paulo, há um grande risco, o de estar na igreja, mas não em Cristo!

2º) A forma correta de fazer o autoexame é encontrada no significado dos verbos “examinar” e “provar” (na língua grega). Os verbos carregam a ideia de “colocar algo em teste para comprovar a sua autenticidade”. Eis um grande desafio. Afinal somos bons e sempre prontos para julgar os outros. Mas a chamada é para tirarmos os olhos dos outros e voltarmos para nós mesmos.

Então responda algumas perguntas que passo a fazer: Quem é Jesus para você? Jesus é Deus que se revelou a nós em forma humana? Você acredita que ele morreu por você e ressuscitou dos mortos ao terceiro dia? Você acredita que Jesus foi levado aos céus e está a destra de Deus Pai? Você se arrependeu de seus pecados e se voltou para Ele como sua ÚNICA esperança de perdão, vida nova e eterna? Se sua resposta a tais perguntas é “Sim”, então você nasceu de novo, está unido misticamente com Cristo, produzindo o frutos da salvação e, consequentemente, andando como Cristo andou.

Que o Senhor Jesus conceda um ótimo dia a você e toda a sua família.

Rev. Roney Pascoto (Pastor na IPC de Limeira – SP)