“No mundo das fakes (2)”
17 de julho de 2020
“Referencial”
21 de julho de 2020

“Aqui tudo é passageiro”

“Vi um ímpio prepotente a expandir-se qual cedro do Líbano. Passei, e eis que desaparecera; procurei-o, e já não foi encontrado” (Salmo 37.35-36)

O poder político ou econômico encanta a muitos, mas isto porque ignoram que todo poder humano é absolutamente ilusório. No texto de hoje encontramos Davi falando de suas experiências de uma vida longa (Salmo 37.25). Nos versículos 25 e 26 ele diz que pode ver os resultados de uma vida consagrada a Deus. Agora, nos versículos 35 e 36, ele fala dos tristes resultados de uma vida vivida longe de Deus.

Ele começa dizendo que viu o ímpio prepotente, ou seja, que tem algum poder e que nele confia. Este está expandindo o seu poder, assim como o cedro cresce para o alto e, ao mesmo tempo, estende seus galhos para todas as direções.

Até aqui, tudo parece muito bom; quem não gostaria de ter uma vida em que seu poder vai se estendendo para todas as partes? Porém, no versículo seguinte, Davi começa a mostrar o resultado de uma vida ímpia.

O tempo passou e, com ele também, o poderoso se foi. A palavra “desaparecera” indica alguém que faleceu; mostra que ele não tem morada eterna na terra e que seu poder não lhe garantiu permanência aqui.

Davi o viu com grande poder florescente, rico, honrado e, para seu espanto, viu que tudo logo passou.

Quando partirmos desta vida e chagarmos à presença de Deus, de que valerá o poder político, econômico ou eclesiástico? Somos pó, e ao pó voltaremos. Então, vivamos para o Senhor, crendo em Cristo como Senhor e Salvador, buscando ter vidas que honrem a Deus.

Que o Senhor Jesus conceda um ótimo dia a você e toda a sua família.

Welerson Alves Duarte (Presidente Geral da IPCB e Pastor na IPC de São Bernardo do Campo – SP)