“Amemos uns aos outros, não segundo Caim”

“A verdadeira inteligência”
11 de agosto de 2020
O PODER DO DEUS DE DANIEL
13 de agosto de 2020

“Amemos uns aos outros, não segundo Caim”

“Disse Caim a Abel, seu irmão: Vamos ao campo. Estando eles no campo, sucedeu que se levantou Caim contra Abel, seu irmão, e o matou” (Gênesis 4.8)

Por que Caim matou Abel? Sabemos que o primeiro homicídio na história da humanidade aconteceu em um contexto de culto. Caim, dando lugar à amargura pelo fato de Deus ter rejeitado a sua oferta, é dominado pela inveja e mata seu irmão Abel. Poderíamos, então, responder nossa pergunta inicial dizendo que foi por inveja que o primeiro homicídio aconteceu. Porém, em I João 3.11-12, o apóstolo diz o seguinte: “Porque a mensagem que ouvistes desde o princípio é esta: que nos amemos uns aos outros; não segundo Caim, que era do Maligno e assassinou a seu irmão; e por que o assassinou? Porque as suas obras eram más, e as de seu irmão, justas”.

A inveja era, na verdade, fruto da comparação de suas obras más com as boas de seu irmão. Ao longo da história, Cains têm matado Abeis quando corações orgulhosos são afetados pela amargura e acometidos pela inveja. Matam, não apenas tirando a vida, mas também com a língua, de modo que o bom nome de alguém é assassinado por gente perversa, como era o maligno Caim.
Meu querido, não siga o exemplo de Caim; não dê espaço para o orgulho, a amargura, a inveja e outros sentimentos negativos.

Amemos uns aos outros, não segundo Caim.

Que o Senhor Jesus conceda um ótimo dia a você e toda a sua família.

Welerson Alves Duarte (Presidente Geral da IPCB e Pastor na IPC de São Bernardo do Campo – SP)