“Aflição”
27 de julho de 2020
“Jejum, uma prática necessária”
29 de julho de 2020

Acalma-nos, ó, Senhor!

“Era o varão Moisés mui manso, mais do que todos os homens que havia sobre a terra.” (Números 12:3)

Vamos lembrar por um instante do que está registrado nas Escrituras sobre o homem mais manso que havia na terra na época em que o povo de Israel peregrinava pelo deserto rumo à Terra Prometida. Esse homem era Moisés.

Israelita da tribo de Levi, Moisés viveu ao todo 120 anos; os 40 primeiros como morador e cidadão do Egito, pois lá fora criado muito próximo a Faraó, e os outros 80 anos todos dedicados a uma missão dada a ele pelo EU SOU. 40 anos foi pastor ajudando seu sogro, dos 80 anos até os 120 anos, guiou o povo de Israel pelo deserto. Ele passou por cenários distintos – palácio e deserto; passou por condições distintas – de membro da classe mais alta do Egito à escassez do deserto; no Egito tinha tudo que queria, no deserto tinha tudo que realmente precisava.

De chegado do Faraó passou a íntimo do SENHOR. Passou por tudo com mansidão, ou seja, sem chiadeira, sem maledicência, muito longe disso, passou com fé, amando ser de Deus e amando poder servi-Lo. Foi manso porque aceitou e amou os planos de Deus para sua vida. No entanto, falhou naquilo que estava mais bem preparado. Mesmo sendo manso, ficou irado e feriu uma rocha. Deus ordenou que ele falasse à rocha para que jorrasse água para matar a sede do povo no deserto, mas, irado com o falatório e importunação do povo, espancou a rocha. Isso foi falta de mansidão e foi pecado. Aquele que era tão manso ficou dominado pela ira. Pecou no que era mais forte.

A lição que fica é a seguinte: não confie no seu autocontrole ou no seu domínio próprio, pois você não tem nada disso, pois isso é fruto do ES e não é seu. Você recebe, pois você não tem.

Busque a Deus e seja fiel a Ele para que Nele e por Ele você consiga manter-se firme.

Não descanse na ideia de que você está totalmente preparado, de que está pronto, pois a verdade é que tem caminho ainda pra percorrer, muito que aprender e em muita coisa ainda precisa se desenvolver.

Busque a mansidão que você precisa e que somente o Senhor pode te dar e lute para não viver feito um raivoso, um irado e um enfurecido implacável. Que com toda dependência recorramos a Cristo, Senhor, a fim de aprendermos com Ele. Somente Ele pode nos acalmar e nos tornar mansos para Sua honra e glória.

Que o Senhor Jesus conceda um ótimo dia a você e toda a sua família.

Pr. Heli Donizeti (Pastor da IPC de Prata/MG).